DIY: jaqueta jeans com patches bordados

Os patches, apliques bordados que podem ornamentar as mais variadas peças, voltaram de lá da virada das décadas de 80 e 90 pros dias de hoje. Há cerca de 2 anos que os desfiles de moda vem anunciando a volta dessa tendência e do ano passado pra cá, virou febre!

Já tinha visto várias blogueiras com um modelo customizado da marca Vida Bela (que você com certeza já deve ter visto por ai). Outro dia, passeando pela rua José Paulino aqui em São Paulo, esbarrei com uma opção mais em conta (mostrei lá no Snapchat! Me segue por lá: hiloblog) mas, ainda assim, achei a opção salgada pro meu gosto. A jaqueta chega a custar R$380 por ai! :O

Então resolvi fazer a minha em casa! A princípio eu ia customizar uma jaqueta jeans da Zara (que já apareceu por aqui nesse look). Mas, achei uma na Renner remarcada por R$69 que já vinha com alguns apliques e bottons. Achei que valia mais a pena pagar na peça e customizar, mesmo que o intuito fosse economizar fazendo uma casa. Jeans é uma coisa que eu uso MUITO, então nunca acho demais rs.

Preparei as dicas em forma de video para vocês verem como aplicar os patches bordados:

Fácil, né?
Os meus patches foram todos comprados na KWS Bordados (Rua Cavalheiro Basílio Jafet, 19 – continuação da Ladeira Porto Geral, esquina com a 25 de março) que vende SÓ isso! Gastei menos de R$25 reais em 19 termocolantes. Mas dá pra comprar online também, em vários lugares, como esse site.

Acho a tendência muito bacana para deixar o look mais despojado e divertido. Dá pra usar tanto em um look casual, como num look mais arrumado, deixando a peça para ser o toque fun da produção. Para não ter dúvidas de como usar, separei alguns looks para inspirar vocës a apostarem nesse visual:

Me contem aí o que acharam!
Usariam essa tendência?

Look da Narda: saia lápis e tênis

Já contei aqui que AMO tênis. Acho confortável, descolado, além de ser um calçado com o qual me sinto super à vontade. Ainda bem que a cada ciclo da moda, o calçado tem ganhado ainda mais relevância e as temporadas só confirmam que o tênis tem deixado de ser usado só nos fins de semana. Hoje é super aceitável usar looks mais formais com ele e montar um visual bem hi-lo (mostrei algumas inspirações aqui).

look-saia-lapis-esporte-kim-kardashian-c&a02

look-kim-kardashian-oculos-lacoste

A saia lápis, por exemplo, geralmente é associada à looks de trabalho. Mas é possível usá-la de uma forma bem mais casual, dependendo das outras peças combinadas. E com o tênis, o visual fica mais esportivo e moderno.

look-saia-lapis-esporte-kim-kardashian-c&a04

look-saia-lapis-esporte-kim-kardashian-c&a01

A base do meu look são peças mais “sóbrias”. Saia lápis preta e cropped listrado com detalhe em tule. Se coloca um salto e um make carregado, tô pronta pra ir pra balada! rs. Mas, para usar as peças de uma forma mais desencanada, optei por combinar com jaqueta jeans, óculos escuros, bolsa ampla e tênis. Viram como já deu outra cara? Um visual super ok para sair de dia e curtir um passeio no fim de semana. Trocando a blusa, por uma camiseta que não mostre pele, dá pra ir trabalhar tranquilamente (isso se o ambiente permitir, claro).

look-saia-lapis-esporte-kim-kardashian-c&a05

Jaqueta jeans: Zara
Blusa cropped: Kim Kardashian para C&A
Saia lápis: Kim Kardashian para C&A
Bolsa: Marc by Marc Jacobs
Óculos: Lacoste
Anéis: Forever 21
Tênis: Reebok

look-saia-lapis-esporte-kim-kardashian-c&a03

Curtiram?
Alguém ai já arriscou uma combinação parecida?

Fotos: Maiara Maria

Coleção Camila Coutinho para Riachuelo: peças, preços e impressões

Nem lembro a última vez que fiz um post sobre alguma parceria. Estamos acostumadas com o ritmo frenético dos lançamentos da C&A e, mesmo não sendo mais novidade, as “collections” ainda arrastam a mulherada pros provadores e, consequentemente, pras filas do caixa. Nas últimas pré-vendas que fui, vi tanto “engalfinhamento” digno de cena de Delírios de Consumo de Becky Bloom, que peguei certa birra (#confesso) desse tipo de evento. Mas não é sempre que a Riachuelo lança esse tipo de parceria e com a blogueira Camila Coutinho isso não acontecia desde a linha de camisetas para a Copa do Mundo, ano passado.

camila_coutinho_para_riachuelo_colecao_01

Finalmente Camila lançou toda uma coleção, própria, pensada e assinada por ela, que levou cerca de um ano para ficar pronta desde a idealização. Fiquei, no mínimo, curiosa para ver de perto, né? Mas estava com super receio de ir ao evento de pré-venda por ser aberto ao público. Já fiquei pensando na muvuca e quase me deu preguiça antes mesmo de chegar. Mas ainda bem que fui. Apenas 1h depois do horário marcado, a loja já estava tranquila com poucas pessoas conferindo a coleção, e a Camila, de pertinho. Mas chega de enrolação: afinal, o que achei?

camila_coutinho_para_riachuelo_colecao_04 camila_coutinho_para_riachuelo_colecao_06

Vamos aos fatos: a coleção tem a cara dela. Tem uma vibe meio boho, meio anos 70, com elementos bem a cara da estação e com uma pegada meio artesanal, sabe? Por mais que sejam tendências que a gente já vê por ai em todas as lojas, achei a escolha de cores (amei as estampas de fundo laranja!), a inspiração e os tecidos usados muito a ver com o Nordeste (de onde ela vem, pra quem não sabe).

camila_coutinho_para_riachuelo_colecao_bijuterias

Falando das roupas, especificamente, não sei se é a minha pobreza mas achei tudo muito caro. Tudo de 100 reais pra cima (com exceção das bijuterias, camisetas e peças de biquini – mas que se você for fazer o conjunto, dá no mínimo esse valor). Ok que, como comentei, gostei do tecido. Não li nenhuma composição, mas o toque, pelo menos, da maioria das peças é macio. Não tinha aquele toque sintético exagerado, como a gente está cansada de ver. Também não experimentei nada, então não consigo expressar opinião sobre caimento, transparência das peças e tal.
Outra coisa que me chamou muito a atenção, positivamente, foram as bijuterias. Conversam bem com todos os looks, são bonitas, bem acabadas e com um preço justo. Tem alguns itens bacanas como o body chain, kit de anéis (que comprei um) e kit com várias pulseiras.

Leia mais